Girlgamer Esports Festival chega a Portugal

Lisboa acolhe o maior festival de gaming feminino, que junta especialistas da indústria e as mais reputadas equipas internacionais de Esports.

A edição de 2017 decorreu em Macau.

Pense em qualquer evento de desporto profissional: atletas competem ao mais alto nível e o público paga para assistir. A segunda edição do Girl Gammer Festival, competição internacional de videojogos que visa empoderar a comunidade feminina, decorre este ano em Portugal, no Casino Estoril, nos dias 20 a 22 de Julho. Esperam-se mais de 200 participantes e 3000 visitantes.

O Festival abre com o primeiro ciclo de conferências da indústria. Na eSports Business Conference estarão 18 speakers internacionais, oferecendo alguns dos mais recentes desenvolvimentos no mundo do esports, conhecimentos sobre o crescimento explosivo e o potencial ilimitado desta modalidade, com o objectivo de gerar oportunidades de negócios, promover o networking e promover a familiarização das marcas com esta indústria. No segundo e terceiro dias do festival, oito das mais populares equipas internacionais vão competir pelo prémio monetário de 20 mil euros, oferecido pela esconline.pt, no Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO) e League of Legends (LoL) com algumas das melhores equipas internacionais e um torneio de Clash Royale, aberto ao público, em que os visitantes podem medir forças.

Empoderar as gamers

Quem acha que o mundo dos esports é só para homens está completamente fora da realidade. Os jogos CS:GO e League of Legends Invitational fazem parte da rotina diária de algumas das melhores gamers do mundo. “Acreditamos que nos esports a competição deve ser universal e inclusiva. Contudo, a representação feminina no segmento profissional é ainda muito reduzida. Nesse  sentido e, como forma de desenvolver e motivar a competitividade feminina, foi criado o Girl Gamer”, afirma, em comunicado, Telmo Silva, fundador e CEO da Grow uP eSports, entidade que promove o Festival.

A Grow Up eSports é uma associação multinacional de origem portuguesa, sem fins lucrativos, que tem vindo nos últimos 15 anos a promover a vivência social e saudável dos videojogos. Trata-se de uma comunidade jovem que apoia as suas equipas competitivas e os seus livestreamers e também organiza torneios competitivos locais e internacionais, seminários educativos e conferências de negócios relacionados com esta indústria. Tem mais de 2 mil membros, entre os quais as maiores e mais antigas associações de esports a nível global. Tem uma longa história de produção de eventos desportivos em Portugal e Macau, onde o primeiro Girl Gamer Festival foi realizado em Agosto de 2017.

A gestão de marcas do evento está a cargo da The Rainbow, agência de eventos full service fundada por Bernardo e Bruno Fontoura, dedicada à consultoria, planeamento e gestão de eventos, sejam corporate, ativação de marca ou eventos de Gaming/Esports, que garantiu o patrocínio da Sephora, represnetando a estreia da retalhista de cosméticos e fragrâncias nos Esports.

Os bilhetes de acesso ao evento estão disponíveis no site oficial em www.girlgamer.gg.