Garanta o seu lugar na 3.ª Grande Conferência Liderança Feminina

Novos temas, novos oradores, novo local. Garanta já o seu lugar na 3.ª Grande Conferência Liderança Feminina que vai juntar, a 22 de novembro, 11 executivas de topo para discutir os desafios da liderança.

Promovida pelas editoras da Executiva.pt, a Grande Conferência Liderança Feminina reúne um novo painel excecional de oradores, que darão uma perspetiva inovadora sobre os temas da liderança que realmente podem mudar a sua carreira.

Faça parte de um evento que reúne a maior concentração de talento empresarial em Portugal: empresários, gestores, académicos e visionários do mundo dos negócios e do entretainment. Dirigida a empresárias e gestoras, CEO e outras funções de top management, quadros de empresas, estudantes e trainees com talento e ambição, esta será uma conferência memorável que pode mudar a vida profissional dos participantes.

O que pode esperar desta conferência

Este é o terceiro ano consecutivo que a Executiva promove a Grande Conferência Liderança Feminina. A elevada adesão nas edições anteriores levou-nos a procurar um local que nos garantisse as condições necessárias para dar resposta a todas as mulheres interessadas em assistir a este evento. Assim, o novo Campus da NOVA SBE, em Carcavelos, vai acolher a 3.ª Grande Conferência Liderança Feminina no seu maior auditório.

No final desta manhã sairá mais motivada, determinada e confiante para dar um boost na sua carreira. A partilha de experiências e de opiniões do nosso painel de oradores vai provar-lhe que não há impossíveis e que as executivas que mais admira passam, muitas vezes, pelos mesmos desafios vividos pela maioria das mulheres, com a vantagem de que nesta conferência perceberá alguns dos seus segredos para os ultrapassar.

Além das intervenções inspiradoras dos nossos convidados, terá oportunidade de conhecer profissionais de outros setores de atividade e com outras funções e enriquecer assim a sua rede de contactos.

 

O painel de oradores

O programa ainda não está totalmente fechado, mas já muitas executivas confirmaram a sua participação nos diferentes painéis desta 3.ª edição da Grande Conferência Liderança Feminina:

A sessão será aberta por Isabel Canha, diretora da Executiva.pt, e Rosa Monteiro, secretária de Estado para a Cidadania e Igualdade.

Paula Neto, diretora comercial, Liberty Seguros. Trabalha numa empresa onde o tema da igualdade de género já não é estratégico, porque o que é valorizado é o compromisso e a atitude de cada um no dia a dia, e que há alguns anos integra mulheres no seu board.

Vera Pinto Pereira, administradora, EDP. Tem quase 20 anos de carreira no setor das telecomunicações, mas decidiu sair da sua zona de conforto ao aceitou o convite para ser uma das primeiras mulheres a integrar o conselho de administração executivo da EDP e assim mudar para um setor totalmente diferente.

Carla Rebelo, diretora-geral, Adecco. Não tem medo de desafios e está constantemente a por-se à prova. Trabalhou em sete empresas em três países e acredita que querer é poder. Lidera um board em que as mulheres estão em maioria e na sua empresa a igualdade de oportunidades é uma realidade.

Daniel Traça, dean, NOVA SBE. É o primeiro ex-aluno da escola a chegar a um cargo de direção e um dos principais responsáveis pelo projeto visionário do novo Campus da NOVA SBE, em Carcavelos. Reconhece a missão da Executiva desde o primeiro momento e acolheu com entusiasmo a realização da 3.ª Grande Conferência Liderança Feminina.

Soledade Carvalho Duarte, managing partner, Invesco Transearch. Integra a multinacional de recrutamento de executivos há mais de 30 anos e orgulha-se de liderar a mais antiga empresa de executive search em Portugal.

Carmo Sousa Machado, chairman da Abreu Advogados. Foi a primeira managing partner de uma sociedade de advogados em Portugal e, desde 2017, é a primeira presidente do conselho de administração da Abreu Advogados. Formou-se em Direito há 27 anos e está na sociedade de advogados que agora dirige há 22.

Roberta Medina, vice-presidente executiva, Rock in Rio. Cresceu a viver o sonho que o pai construiu há 32 anos e em 2001 liderou o primeiro passo do projeto de internacionalização do RIR, trazendo o maior evento de entretenimento do mundo para Portugal. Hoje, as 8 Cidades do Rock espalhadas pelo mundo já receberam mais de 9 milhões de pessoas.

Paulo Ribeiro, partner, PwC. É desde o ano passado o responsável da consultora pela área de Diversidade & Inclusão da PwC em Portugal e acredita que é fundamental envolver os homens na questão da igualdade de género para avançar mais depressa. O seu exemplo está dado, agora está apostado em envolver mais homens e mulheres para esta causa.

Sandra Perdigão Neves, diretora de Operações, Altice Portugal. Tem um percurso profissional bastante diversificado. Foi consultora da Polícia Judiciária, manager na PKF Portugal e está há dez anos na operadora de comunicações, onde é, desde 2015, responsável por cerca de 700 colaboradores.

Sara do Ó, CEO, Grupo Your. Depois de dois anos de intensa aprendizagem numa importante consultora, decidiu sair para criar uma empresa de contabilidade com uma colega. Hoje têm um grupo de 11 empresas de suporte e apoio à gestão, quase 200 colaboradores e impuseram a cor rosa no mundo quase sempre cinzento da área financeira.

Dulce Mota, CEO do AtivoBank. Iniciou a carreira na Renault e passou pelos CTT antes de ingressar no BCP, em 1996. Foi uma das suas primeiras diretoras e ao longo de 22 anos já exerceu 14 funções diferentes no universo Millennium BCP. No início deste ano regressou ao cargo de CEO do ActivoBank, que já tinha ocupado em 2009.

Cátia Martins, CEO da L’Oréal Portugal. Com uma carreira de 18 anos, a L’Oréal é a única empresa em que trabalhou, mas que não tem parado de lhe colocar desafios. Já foi responsável pelo mercado da América Latina, pelo Brasil, por Itália e, no início deste ano, aceitou o desafio de liderar a multinacional de cosmética em Portugal.

Carolina Carvalheira, fundadora do Nova Women in Business. Foi ainda enquanto estudante do 2.º da licenciatura de Economia, na Nova SBE, que Carolina Carvalheira fundou, juntamente com a colega Rita Pereira, uma associação para pôr em contacto estudantes universitárias e mulheres em cargos de liderança, com as quais as alunas se possam identificar, mas que sirvam, simultaneamente, de inspiração para futuras decisões importantes de carreira ou vida.

Como assistir à conferência

Nas edições anteriores, os lugares disponíveis ficaram muito aquém da procura. Para garantir o seu lugar, compre a sua entrada já, aqui.