É fácil querer ser promovida, mas será que sabe explicar por que razão merece sê-lo? Descubra como perceber se está preparada para tomar o próximo passo na sua carreira.

AS MAIS VISTAS DA SEMANA NO FACEBOOK

A mais recente gama reformulada da Oriflame proporciona-lhe tudo o que necessita para criar este momento de pureza, tranquilidade e requinte.
Filha de escultor, ainda esteve indecisa entre Direito e Ourivesaria, mas foi a arte que levou a melhor. Com mais de três décadas de profissão, Maria João Bahia é hoje uma joalheira versátil, que não gosta de recusar desafios.
Quando uma mulher tem pudor em negociar o salário ou prefere que o companheiro gira o seu património, está a comprometer não só a sua independência financeira, como também a liberdade para decidir a sua vida. A Conferência Let’s Talk About Money! vai ajudá-la a lidar com o dinheiro com mais confiança e menos receios.

CITAÇÕES INSPIRADORAS

Para capacitar a nova geração de líderes e promover um ecossistema de sinergias entre a academia e as organizações a PWN Lisbon lança o Youth Program para jovens entre os 25 e os 35 anos.

Na era do LinkedIn e das plataformas digitais que tornam os processos de recrutamento cada vez mais rápidos e fáceis, ainda faz sentido enviar o currículo com a tradicional carta de apresentação? E se assim for, como deve ela estar escrita?
Queria ser historiadora de Arte, mas acabou na engenharia informática. Diana Moutela trabalha há 12 anos na PwC de Nova Iorque, onde hoje dirige o Financial Crimes Unit, aliando a informática à investigação. Entretanto, precisou ganhar outro tipo de competências. "É preciso ser muito assertivo, ou as pessoas não nos levam a sério."
Fernando Neves de Almeida, managing partner da Boyden Global Executive Search Portugal, defende que o desafio para uma empresa de executive search é "escolher a candidata ideal para o cargo, mesmo que esta não pareça interessada".
Mara Figueiredo é responsável por garantir a satisfação dos clientes que comunicam diariamente com a Pipedrive a partir dos mais diversos pontos do globo, o que a obriga a coordenar fusos horários com equipas em Lisboa, Nova Iorque e Tallinn.
Cansada de começar conversas sempre da mesma forma? Dizem os especialistas em comportamento que a conversa de circunstância está longe de ser uma boa forma de estabelecer relações profissionais ou pessoais bem-sucedidas. Aqui ficam algumas alternativas interessantes.